Federação dos Trabalhadores na agricultura no Rio Grande do Sul

2° Plenária Nacional da Juventude Rural

 Plenária Nacional da Juventude Trabalhadora Rural

                                              

     Entre os dias 14 e 17 do mês de outubro ocorreu em Luiziânia (GO) a 2° Plenária Nacional da Juventude Rural com o tema “Sucessão Rural com: Desenvolvimento Sustentável e Solidário, Participação Social e Sindical”. A Plenária contou com um público de aproximadamente 600 jovens trabalhadores e trabalhadoras rurais, das Federações, dirigentes e assessores da CONTAG, e representantes do Governo Federal.
     A 2°Plenária Nacional da Juventude Rural teve como objetivos: a interação dos jovens com texto base do 11° Congresso da CONTAG que se realizará em março de 2013; debates e discussões propositivas sobre temáticas específicas da juventude trabalhadora rural que norteiam uma série de debates dentro do MSTTR: Soberania e Segurança Alimentar; Reforma Agrária: Direito a terra e ao Território; Agricultura Familiar e Meio Ambiente: Soberania Alimentar, Sustentabilidade e Renda; Direitos, Políticas Públicas e Desenvolvimento com Justiça Social no Campo; PADRSS e o Direito ao Trabalho e Emprego Dignos no Campo; Formação Político-Sindical e Educação do Campo.
     Por fim um dos principais objetivos da Plenária foi a preparação da juventude para os debates nas plenárias regionais no estado.
Nosso estado foi representado com uma delegação de 20 jovens, todos coordenadores regionais de jovens, coordenadora estadual e assessor da juventude da FETAG.
     A Plenária no seu primeiro dia, foi marcada por painéis de interesse da juventude trabalhadora rural com participantes da CONTAG e também Governo Federal.
     Segundo dia tratou do histórico de organização da juventude dentro MSTTR, assim como trabalhos de grupos responsáveis por trazer o carácter propositivo da juventude para dentro do Movimento Sindical.
     Terceiro dia apresentação dos trabalhos de grupos onde a juventude afirma seu carácter propositivo e afirmativo dentro do MSTTR primando para um presente com jovens na agricultura familiar produzindo alimentos e garantindo segurança alimentar, uma educação inclusiva para os jovens do meio rural, trazendo o PADRSS como um projeto de desenvolvimento rural sustentável para nosso país.